quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Como consultar multas do Detran GO - Veja seus débitos com o número do Renavam

Em seguida, vou explicar brevemente como funciona a consulta de multas ou de Renavam do Detran GO.

1.- Você deve entrar no site oficial do Detran (https://detrango.inf.br/)

2.- Uma vez na página de início da web buscaremos na parte superior direita uma caixa azul: "Formalidades e multas | Sede Eletrônica", continuaremos com o acesso à sede eletrônica, clicando no botão.

3.- Uma vez na sede eletrônica faremos clique no separador superior de formalidades e multas. Em seguida iremos a "Alguma multa?" e, posteriormente, faremos clique em "Consulta o Quadro Edictal de multas de Trânsito atreladas ao seu veículo.
4.- Uma vez que estejamos no Detran GO podemos acessar com e sem certificado digital. Em relação ao certificado, vale qualquer um, emitido pelo departamento. O mais comum é o acesso ao número do renavam que fica presente no CRLV  e, para isso, deveremos dizer que o acesso é sem certificado. Justo nesse momento, a janela pop-up vai nos dizer que devemos escolher um critério de pesquisa (bilhete de IDENTIDADE, Matrícula ou nome do proprietário )
5.- Há más notícias, e há algum processo contra você ou seu veículo? Vamos ver como podemos ampliar a informação. Graças ao Detran GO  você poderá clicar sobre o procedimento e ver o motivo, a data e outros detalhes. Para saber se estamos a tempo de agir ou de não agir, vamos analisar o estado (Válido ou Não em Vigor). Se o procedimento estiver em vigor é que ainda não tenham decorrido os 20 dias de calendário a partir do momento da publicação da sanção. Se é "Não Aplicável" os dados continuarão durante 1 ano e poderá ser informado do processo.

Lembre-se do aplicativo de descontas de multas que entrou em operação a partir de 2017. Basta baixar para conseguir fazer o uso normalmente e conseguir os seus devidos descontos nas multas de trânsito feitas no Detran Goiás. 

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

O que acontece se eu não pagar as multas de trânsito?

Maldita seja a picaresca, de uns e de outros. Por um lado, a Administração salta, em muitas ocasiões, a Lei Seca ou se há um pouco da "sueca" sobre o tema das notificações, e, por outro, o cidadão não realiza os procedimentos que deve, quando deve e nem notifica as administrações a atualização de todos os dados de contato e localização.

Você sabia que pode multar-te por ter um endereço diferente daquele em que o Tráfego tem em seu banco de dados?. Sim senhor, assim como o dever de a Administração é o de notificar as sanções ou procedimentos em tempo e forma, é o seu dever de comunicar à Administração o "onde passa" (o certo é que ficou um pouco de bagunça, mas vamos com o tema). Já o temos como prática habitual da criação de tutoriais para ajudar-nos um dinheiro e não ter que recorrer aos despachantes.


Muito mais gente do que deveria não se comunica suas mudanças de domicílio para o Departamento Estadual de Trânsito que está registrado, devido a que existe a crença de que, se não notificado da sanção, esta irá expirar e você irá fugir.

Com o tempo esta mais do que falsa crença vem mudando com a ampliação de conhecimentos dos povos nesta matéria e a proliferação de empresas de recursos maciços que comercializam a "panacéia", "você corre, que nós procuramos por si, se te multam". Você realmente alguém acredita que vai se livrar da Administração tão facilmente? Pois, parece que muitos, só faz falta ver a quantidade de empresas de recursos de multas, que há.


Na prática o que todo cidadão deveria fazer é a consulta de multa. A pior consequência é acabar perdendo o veículo simplesmente por se tornar impossível pagar todos os débitos, e aí até mesmo a possibilidade de venda fica mais complicada, uma vez que  o comprador também teria que assumir o custa da documentação (que você provavelmente teria que descontar do valor geral do veículo). Na prática, muitas multas te causam quase a perda do bem, assim como a CNH. 

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Tipos de herpes e o seu aparecimento no corpo

A melhor maneira de avançar para um futuro melhor é aprender o máximo que puder sobre herpes genital (e outras formas de herpes) e como lutar contra isso! Nós nos preocupamos com sua saúde e nós queremos ajudar - é por isso que criamos uma diretriz abrangente que está repleta de fatos e conselhos sensatos ...
Além disso, vamos compartilhar alguns fatos sobre Herpes. No final deste artigo, vamos discutir um método de cura de herpes informativo, inovador e eficaz que é projetado para ajudá-lo a viver uma vida mais feliz e saudável, dando-lhe as ferramentas certas para a remoção do Herpes Tipo 1, Herpes Tipo 2, Oral (Boca) e surtos de herpes genital ...

O que é Herpes Genital?
Este tipo de herpes é transmitido por contato sexual e é uma infecção que é desencadeada pelo vírus Herpes Simplex (HSV). Este vírus afeta diferentes partes do corpo, incluindo o colo do útero, os órgãos genitais e a pele. Dentro da categoria principal de vírus Herpes Simplex, existem duas subcategorias de vírus, e estas são HSVp1 e HSVp2. Essas subcategorias também são referidas como Herpes Tipo 1 e Herpes Tipo 2.

A frase "Medicação não pode curar herpes" e "Herpes não é curável com remédio" são 100% verdadeiras. Mas o herpes pode ser curado com remédio natural. Dito isto, algumas pessoas são assintomáticas, embora elas carregem o vírus. Outros homens e mulheres que possuem o vírus Herpes Simplex experimentam surtos de herpes genital que se repetem. Após a infecção inicial, os ataques do vírus tendem a ocorrer de forma frequente. Com o passar do tempo, os períodos de remissão duram mais e os ataques que acontecem normalmente não são tão graves.